FOLLOW US ON SOCIAL

18
maio
2022

20ª Sessão Ordinária: 24/08/2021

ATA da 20ª SESSÃO ORDINÁRIA, do 1º Período Legislativo, da 18ª Legislatura da Câmara Municipal de Camapuã, Estado de Mato Grosso do Sul, realizada com início, às 19 horas, do dia 24 de agosto de 2.021, em sua sede própria à Rua Campo Grande, 353, Camapuã-MS; presentes os Senhores Vereadores: Ver. Lellis Ferreira da Silva Presidente; Ver. Ronnie Sandro, 1º Vice-Presidente; Dr. José Dias, 2º Vice-Presidente; Ver. Pedrinho Cabeleireiro, 1° Secretário; Ver. Hélio Policial, 2º Secretário; Ver. Ademar Laurindo; Ver. Jerson Junior; Ver. Prof. Jean; Ver. Marquinho Moreira. Comprovado o número legal de Vereadores para a abertura dos trabalhos, o Vereador Lellis Ferreira da Silva, Presidente da Câmara Municipal de Vereadores de Camapuã-MS, invocando a proteção de Deus e, em nome da liberdade e da democracia, declarou aberta a presente Sessão. Presidente – Ver. Lellis Ferreira da Silva. Em seguida, o Presidente colocou em discussão a Ata da 19ª Sessão Ordinária, do 1º Período Legislativo, da 18ª Legislatura, do dia 17 de agosto de 2.021. Logo após, o Presidente colocou em votação a referida Ata, a qual foi aprovada por unanimidade. 1º Secretário – Ver. Pedrinho Cabeleireiro – [1]Correspondências Recebidas – Projeto de Lei Nº 037, de 19 de agosto de 2021, de autoria do Poder Executivo Municipal, que: “Altera a denominação das Avenidas João Alvino Martins, Alvino A. Martins e Antônio Alvino Martins, e dá outras providencias”. Ofício de Gabinete Nº 061/2021. Excelentíssimo Senhor, Dirijo-me a Vossa Excelência para solicitar a substituição do Projeto de Lei Nº 035/2021, com protocolo Nº 0211 pelo que segue anexo, tendo em vista a necessidade de alteração em alguns pontos daquele apresentado anteriormente. Ao enviar o presente expediente, aproveito para renovar expressões de mais alta estima e apreço. Manoel Eugênio Nery – Prefeito Municipal de Camapuã. Ofício Nº 136/2021. Ao Exmo. Senhor Lellis Ferreira da Silva – Presidente da Câmara Municipal de Camapuã. Prezado Senhor, ao cumprimentá-lo venho por meio deste informá-lo que o nosso município sediará a primeira fase da Copa de Futebol da ASSOMASUL/2021, a ser realizado no próximo domingo, dia 29/08 do corrente ano no Estádio Carecão. Na oportunidade convidamos Vossa Excelência, bem como todos os Nobres Pares desta Distinta Casa de Leis para participarem da solenidade de abertura que acontecerá às oito horas, bem como a participação nos jogos que irão acontecer nesta primeira fase entre as equipes de Camapuã, Corguinho, Rio Negro, Bandeirantes, Jaraguari e São Gabriel do Oeste. Os jogos iniciar-se-ão, às 8h30min, com previsão de término às 18h, o evento acontecerá obedecendo todos os protocolos de biossegurança em relação à COVID-19. A presença de todos é indispensável, nesse momento em que estamos retornando as atividades com público, mesmo sendo em número reduzido. Manoel Eugênio Nery – Prefeito Municipal. Correspondências Expedidas – Ofício CMV Nº 400/2021. Exmo. Senhor Alessandro Menezes de Souza – Superintendente de Gestão da Informação – Secretaria do Estado da Fazenda – Campo Grande – MS. Solicitação. Prezado Senhor, Mediante o presente, solicitamos a Vossa Senhoria que sejam tomadas providências para possível criação (ou alteração) de subdomínio, conforme formulário anexo, emitido a partir do site do SGI, tendo o número da solicitação com todas as informações cadastradas, conforme resumo do pedido: Responsável Cadastrado: Lellis Ferreira da Silva CPF 981 318 261-04. Na expectativa do vosso pronto atendimento, reiteramos votos de consideração. Ver. Lellis Ferreira da Silva – Presidente. PresidenteVer Lellis Ferreira da Silva – O Projeto de Lei Nº 37 foi protocolado no dia 23/08/2021 e o Projeto Nº 36 que foi feita a substituição na data de hoje será encaminhado à Assessoria Jurídica e Comissões para análise e elaboração de pareceres. As demais correspondências recebidas e expedidas estão à disposição dos senhores vereadores na secretaria desta Casa. PEQUENO EXPEDIENTE – Ver. Marquinho Moreira – Senhor Presidente, hoje estou entrando com quatro Indicações. A primeira Indicação: o Vereador que a presente subscreve, solicita à Mesa, após tramitação regimental, que seja encaminhado expediente ao Exmo. Sr. Manoel Eugênio Nery – Prefeito de Camapuã, com cópia ao Ilmo. Sr. Godofredo Rodrigues Pereira – Secretário Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, fazendo a seguinte solicitação: Que seja feita limpeza e manutenção da estrada “Rota das Monções”. JUSTIFICATIVA: Passando pela referida estrada, hoje, notamos que tem bastante lixo espalhado, o qual precisa ser removido, além do mais está necessitando muito de uma manutenção, pois buracos e valetas estão por toda parte. Além do mais é necessário promover a conscientização da população também, para que não esteja despejando lixo naquela estrada que é um ponto turístico tão importante para nós camapuanenses. A minha segunda indicação é para o Senhor Prefeito Manoel Eugênio Nery, também para nosso Secretário de Infraestrutura o Godofredo e para o Sr. Edson Pimentel – Diretor de Trânsito de Camapuã: Que seja implementado um redutor de velocidade, tipo quebra-molas, na Rua Cândido Severino, na grande extensão da Rua Cândido Severino. JUSTIFICATIVA: Devido a Rua Pedro Celestino, que também é uma BR ter muito tráfego de caminhões, os veículos leves estão utilizando muito a Rua Cândido Severino para escapar do trânsito mais pesado, com isso acabam abusando da velocidade para ganhar tempo, colocando em risco a vida dos pedestres e ciclistas que utilizam dessa via para se locomoverem. A terceira indicação para o Senhor Prefeito Manoel Eugênio Nery: que seja feita a transferência do centro de reciclagem da Vila Industrial para os barracões do Polo Industrial. JUSTIFICATIVA: Conforme Indicação nº 031/2021, de autoria deste vereador, já mencionamos como os moradores da Vila Industrial têm cobrado este vereador para estar acionando a prefeitura para que tome providências sobre o assunto. Em conversa com o proprietário, o mesmo falou que se transferindo para os barracões do Polo Industrial ficará bom, assim como ficará bom também para toda população da Vila Industrial e de toda cidade, que se verá livre daquele amontoado de reciclagem no meio da vila. E a quarta Indicação para nosso Prefeito Manoel Eugênio Nery: que seja viabilizada a aquisição de um caminhão pipa equipado para dar os primeiros combates a incêndios. JUSTIFICATIVA: Com o grande período de estiagem que estamos passando, nós do município de Camapuã não contamos com Corpo de Bombeiros, portanto, necessitamos urgentemente de um caminhão pipa que esteja equipado para dar os primeiros combates aos incêndios em nossa região, tanto na área urbana quanto na rural, dando tempo até a chegada dos bombeiros para dar continuidade aos trabalhos. A gente conversando com os agricultores aí, o pessoal das regiões da área rural, estão muito preocupados com essa estiagem e o fogo está aí, a gente está vendo todo município está pegando e, em Camapuã, nós não contamos com bombeiros, até os bombeiros estarem chegando aqui já passou da hora. Então, essas são minhas indicações e essas minhas palavras no Pequeno Expediente, Senhor Presidente, meu boa noite. Ver. Hélio Policial – Senhor Presidente, apresentar duas indicações nesta noite, nesse Pequeno Expediente, antes, porém, comungo, vou endossar aqui a vossa indicação Nobre Ver. Marquinho Moreira, manutenção na Rota das Monções, urge, urgente, necessita mesmo, então, fica aqui o apoio deste parlamentar à vossa indicação. A primeira Indicação, Senhor Presidente, vai para o governador do Estado Sr. Reinaldo Azambuja, que apresentamos nesta noite aqui em conjunto com o Vereador Pedro Dias Pereira e, também, ao presidente da FUNDESPORTE Sr. Marcelo Miranda, a gente solicita aí que seja instalada aqui aquela arena esportiva, aí chegando, já está disponibilizando o acesso à aglomeração que até então estava bastante restrito, então, se a gente tiver uma arena esportiva aqui em Camapuã, nos moldes das que estão sendo faladas aí – não é, Ver. Pedrinho? – em muito vai colaborar para a prática desportiva no nosso município, então, fica aqui nossa indicação, Ver. Pedrinho, para o governador do Estado e o presidente da FUNDESPORTE para que instale essa arena esportiva. Na mesma ocasião, apresentamos em conjunto também uma indicação aqui para o prefeito do município para que disponibilize local da instalação dessa arena, então, quero aproveitar o ensejo aqui, Senhor Presidente, e solicitar o apoio de cada um dos senhores vereadores, principalmente, Vereador Jean do PSDB, representa o PSDB aqui em Camapuã e todos os colegas que quiserem assinar conosco essa indicação, essas duas Indicações aqui, estão todos convidados e serão bem vindos, pelo menos, teremos mais força junto ao governo do Estado e ao Presidente da FUNDESPORTE, então, fica aqui nosso pedido de apoio aos colegas aí para reforçar a nossa solicitação. Senhor Presidente, quero agradecer aos colegas aí servidores da secretaria desta Casa que transcreveram nossas indicações, só vou relembrar que falamos aqui na última Sessão, ou seja, a Troca das lâmpadas na esquina da Rua João da Mota com a Rua Habib Lawandes que já foi trocada pelo Paulinho, imediatamente já trocou, pessoal já ligou para esse parlamentar agradecendo, então, fica nosso agradecimento ao Paulinho que trabalha na parte da eletricidade aqui do município. A outra Indicação que os colegas também transcreveram é ao Secretário de Estado de Segurança Pública para diminuir o valor das segundas vias do RG que são expedido aqui no Estado, já fazendo uma avaliação é a mais cara do Brasil, então, fica o pedido nosso aqui, reforço. E a terceira foi para o Prefeito Manoel Nery e ao Secretário de Saúde para que viabilize a possibilidade, Senhor Presidente, que sejam realizados os partos aqui no nosso hospital, que as gestantes estão indo para outro município realizar os partos, então, ficam aqui nossas solicitações, nossas indicações e essas foram nossas palavras no Pequeno Expediente. PresidenteVer Lellis Ferreira da Silva – Consulto os Senhores Vereadores com respeito à indicação do Exmo. Vereador Hélio, onde ele nos dá oportunidade de estar assinando junto com ele uma Indicação que é de suma importância para o município. Todos estão de acordo? Solicito a secretária que faça o recolhimento das assinaturas nas indicações. Ver. Prof. Jean – Senhor Presidente, vim aqui só reforçar algumas indicações já feitas anteriormente, a indicação do Ver. Marquinho Moreira nós fizemos no dia 18/05, só para reforçar aí a sua indicação também, nós pedimos ao Exmo. Senhor Prefeito Manoel, ao Exmo. Senhor Secretário de Administração Jean para que seja instalado no município de Camapuã uma Brigada Municipal de combate a incêndios e medidas correlatas, então, a gente entende que é o momento para a prefeitura, para o executivo começar a pensar numa brigada municipal aqui no nosso município, então, seja instalado no âmbito do município de Camapuã uma brigada municipal de combate a incêndios e medidas correlatas, inclusive, no apoio de ações de defesa civil, é de fundamental importância que o executivo municipal proceda no sentido de trabalhar no cuidado e na prevenção de incidentes decorrentes de incêndios e situações correlatas, instalando em nosso município uma brigada municipal. Então, essa foi uma indicação que nós fizemos dia dezoito de maio deste ano. Outra indicação, Senhor Presidente, Nobres Pares, população que nos acompanham pelas redes sociais, também fizemos essa Indicação no dia quinze de junho, ela teve algumas ações realizadas e a gente gostaria que continuasse, que persistisse, foi encaminhada ao Senhor Prefeito Manoel, Ilustríssimo Secretário Jean, com cópia ao Secretário de Saúde André: que seja realizada divulgação através de propagandas de rua sobre a importância das medidas de prevenção que devam ser adotadas pela população contra o novo Coronavírus, a COVID-19, e demais informações acerca da pandemia, a gente tem que continuar com essas informações que são de fundamental importância, a vacinação é importantíssima, mas continuar com essas medidas de prevenção também é fundamental para a gente conseguir combater esse, infelizmente, esse vírus terrível. E outra Indicação que fizemos também no dia quinze de junho, para o Prefeito Manoel, com cópia ao Secretário Jean, com cópia ao Secretário André: que sejam retomadas ações de combate ao mosquito da Dengue, Chikungunya, Febre Amarela, Zika Vírus em nosso município, bem como mutirões de limpeza nos bairros da cidade, então, é perceptível o aumento no número de pernilongos, de mosquitos, então, a gente gostaria que a Secretaria de Saúde, principalmente junto com a Secretaria de Infraestrutura, que retomassem essas medidas aí acerca dessa situação. Essas são minhas palavras no Pequeno Expediente. Professor Jean, boa noite. Ver. Pedrinho Cabeleireiro – Eu vi aqui o Ver. Hélio agradecendo pelo trabalho que vem sendo feito sobre a questão da iluminação pública em nosso município, eu quero aqui também parabenizar esse funcionário, porque na gestão anterior, está aqui o Excelentíssimo Senhor Presidente, Vereador Ronnie Sandro, que sabe da competência, da agilidade que ele tem com a nossa população, então, também quero agradecer a ele por ter atendido ali no Vale do Sol sobre a questão de uma lâmpada que estava com problema, falei com ele a noite, logo cedo o problema estava resolvido, então, tem nossos agradecimentos pela agilidade, pela competência, porque a gente vê aí que tem empresas como está aqui no nosso município, que está para fazer o asfalto, recapeamento, mas esta lá para os senhores verem, não vem fazendo o dever de casa. Então, outra questão que queria trazer aqui nessa tribuna, Senhor Presidente, é sobre a questão das cobranças que esse empregado do povo trouxe ao nosso Secretário de Saúde, sobre o retorno dos atendimentos, salvo me engano o Vereador Ronnie Sandro falou que já tem cobrado também, não sei se fizemos as mesmas indicações, mas o atendimento tem que ser feito, nosso prefeito que está hoje tocando uma gestão boa não pode ser penalizado pelo secretário. E eu estou aqui hoje, sou do partido DEM, está aqui o Líder do Prefeito, quero que o Líder do Prefeito leve essa mensagem ao Secretário, que nossa população lá da área rural não pode ficar à mercê, sou parceiro da gestão, mas não posso comungar com o que o secretário está fazendo com a gestão porque o responsável da pasta é ele e, muitas vezes, o prefeito nem sabe o que está acontecendo, então, fui questionado essa semana de novo, a gestão passada pode ter o problema que teve, mas nesse sempre atendia e até hoje se passaram oito meses e o secretário não viu com bons olhos nossos moradores que estão lá na área rural, que estão à mercê. Então, a gente pede aí, Líder do Prefeito, a sensibilidade do Secretário André Targino quanto ao atendimento com o povo da área rural, essa situação aí, Senhor Presidente, ela tem que ser resolvida. [2]O secretário tem que fazer o dever de casa. Porque o penalizado é quem? É o chefe do executivo. Mas eu também vou estar conversando com o Senhor Prefeito, vou estar procurando para que se resolva esta situação. Porque se no passado resolveu e, agora não, tem alguma coisa errada. E se o prefeito o colocou e tem a confiança, e a gente já trouxe aqui a mensagem vinda do nosso povo. Ele tem que abraçar a causa e fazer porque estão lá os ESFs. Então, nada mais justo do que levar uma vez por mês, isso não vai quebrar uma gestão, não vai quebrar a pasta dele. Mas o secretário tem que trabalhar. Então, eu estou aqui para cobrar como empregado do povo. Igual eu falei na última sessão: se for pra bajular na questão de falar da realidade de um bom trabalho, eu vou falar e, se for pra falar e chegar o bambu eu também chegarei. Foram essas as minhas palavras, Senhor Presidente. GRANDE EXPEDIENTEVer. Hélio Policial – Colega Vereador Pedro Dias Pereira, por uma grande causa, um momento crítico na saúde mundial. Então, fica aqui o meu apoio às suas palavras. Aparentemente um pouco zangado, mas fica aqui o meu apoio às suas palavras, vereador. Aproveito o ensejo, Vereador Pedrinho Cabelereiro. APARTE Ver. Pedrinho Cabeleireiro – Não é zangado. O que acontece é o seguinte: a gente, como empregado da nossa população, assim como os senhores vereadores, este parlamentar aqui nem sequer uma resposta obteve. Então, como que eu vou poder responder para o morador que está na área rural. Então, a gente fica triste e a gente está aí na gestão. Se o barco, digamos assim, se afundar, pois hoje a gestão está boa, mas algumas coisas não estão acontecendo. É igual eu questiono, Líder do Prefeito, a questão das cirurgias aqui em Camapuã. Nós temos um tremendo de um médico profissional aqui. Pra você ver, meu companheiro que trabalha comigo teve que se deslocar para ir a Campo Grande- MS, pra fazer uma cirurgia, sendo que temos um profissional à altura aqui dentro do nosso município. Então, tem que valorizar também a questão dos pratas da casa. Ver. Hélio Policial – É isso aí, vereador. Comungo com as suas palavras, mas dando continuidade aqui, quando eu disse zangado é zangado em prol do povo, sempre em benefício do povo. Então, fica o meu apoio aqui ao seu comportamento em relação a esse pedido da saúde. E pego carona em suas palavras, vereador, porque hoje eu recebi várias mensagens via whatsapp de moradores da Pontinha do Cocho- MS, reclamando que os atendimentos na saúde lá estão sendo feitos em números bastante reduzidos. Então, fica aqui um pedido meu ao secretário de saúde, o André Luiz, para que faça gestão pra que, dentro da possibilidade, não sabemos qual é a condição do atendimento médico lá na Pontinha do Cocho- MS, mas que faça gestão o mais rápido possível para fornecer atendimento médico aos moradores do distrito. Então, fica aqui a nossa solicitação ao Secretário de Saúde André Luiz. Senhor Presidente, apresento nesta noite uma moção de aplausos e congratulações aos investigadores de polícia: Leonardo Silva da Rosa, Marcos André Santos Chaves, Wagner Gustavo Mantero da Mata. É que estavam lotados aqui na delegacia de polícia, eles ficaram lotados aqui em Camapuã prestando serviço, ótimo serviço à sociedade durante mais de cinco anos. Foram mais de cinco anos de bom serviço prestado. Então, eu apresentei essa moção de aplausos e congratulações, vou fazer a leitura aqui da moção. E bastante satisfação, pois que eu tive o prazer de ter podido trabalhar com excelentes profissionais. O Leonardo e o Wagner são bacharéis em direito. O Marcos tem a minha formação também, é formado em letras, possui nível superior em letras. Excelentes profissionais. Eu tive um prazer em trabalhar com eles, repito, com eles eu aprendi muito. Então, fica aqui a nossa moção. Vou fazer a leitura: A presente homenagem é fruto do reconhecimento desta Casa Legislativa pelo presente trabalho prestado pelos os policiais acima durante a estadia desses na comarca de Camapuã. Desde suas lotações na delegacia de polícia civil de Camapuã-MS, os investigadores de polícia: Leonardo Silva da Rosa, Marcos André Santos Chaves e Wagner Gustavo Mantero da Mata sempre exerceram suas funções de forma exemplar, com zelo e probidade, não havendo quaisquer informações que desabonasse suas condutas profissional e pessoal. Durante suas trajetórias na unidade policial atuaram em diversas operações, realizaram prisões em flagrante delito, além de comprimentos de mandato de prisão e busca e apreensão e bem cumprindo suas funções previstas na nossa Carta Magna, mormente, aquelas atinentes às atividades de polícia judiciária, servindo como braço do poder judiciário. Após mais de cinco anos de bons serviços prestados à segurança pública em Camapuã- MS, os nobres heróis investigadores foram condecorados com remoção a pedido para a Capital Campo Grande-MS, onde certamente continuarão prestando os serviços com zelo e probidade, cujo fundamento primordial é sempre servir e proteger a sociedade, tudo em obediência aos princípios gerais do direito e à lei. Como forma de parabenizar suas exemplares condutas, bem como agradecer pelos excelentes serviços desempenhados em prol da sociedade de Camapuã, apresento a presente moção de aplausos e congratulações aos investigadores de polícia: Leonardo Silva da Rosa, Wagner Gustavo Mantero da Mata e Marcos André Santos Chaves. Senhor Presidente, aproveito a ocasião em desejar boas vindas aos novos investigadores de polícia judiciária, são eles: investigador de polícia Savino, investigador de polícia Isquealvo, investigador de polícia Renan. Todos eles entrando na carreira policial por ocasião das suas nomeações na terceira classe. Então, Senhor Presidente, fica aqui a minha moção de aplauso e congratulação àqueles que prestaram excelentes trabalhos para a nossa sociedade de Camapuã. Muito obrigado. Boa noite. Presidente Lellis Ferreira da Silva – Parabéns, Excelentíssimo Vereador pela excelente moção de aplauso. Ver. Prof. Jean – Senhor Presidente, venho hoje com algumas indicações. A primeira indicação desta noite é endereçada ao Prefeito Manoel Nery, com cópia ao Secretário Jean, ao Secretário Godofredo para que seja disponibilizado uma caçamba, em ponto estratégico, definido pela a secretária municipal de infraestrutura e serviços públicos, no bairro Cristo Redentor um, dois, três, quatro e cinco. Com a justificativa: a caçamba ora citada servirá para descarte de entulhos, exceto restos de alimentos ou qualquer outro tipo de material que possa provocar infestação ou proliferação de animais transmissores de doenças. Assim sendo, a caçamba que será substituída constantemente na forma de rodizio, servirá para evitar o acúmulo de entulhos em vias ou terrenos públicos e, dessa forma, preservando o meio ambiente e a saúde da população. Nossa segunda indicação da noite, população que nos acompanham pelas as redes sociais, endereçada ao Prefeito Manoel Nery, Secretário Jean, Secretário Godofredo: Ilustríssimo Senhor Edson Pimentel diretor do DETRAN – Para que seja realizado o serviço de tapa-buraco em todas as ruas dos bairros: Jardim Nova Era e Vale do Sol, neste município de Camapuã- MS. Então, os bairros supracitados apresentam praticamente em todas as ruas com buracos no asfalto, asfalto deteriorado. Nesse sentido, seria importante o serviço de tapa-buraco a fim de melhorar as condições das vias e, principalmente, melhorar o deslocamento aos ciclistas, motociclistas e motoristas de uma forma em geral, evitando assim riscos de acidentes. Sabemos também que ao adentrarmos no período de chuvas, esses buracos iram aumentar de circunferência gerando maior despesa ao município. Nossa terceira indicação, Senhor Presidente, Primeiro-Secretário Pedrinho Cabelereiro, nobres pares, população, é encaminhada ao Prefeito Manoel Nery, com cópia ao Secretário Jean, Secretário Godofredo, Secretária Selma, para que seja aumentada a tela de arame do Centro de Educação Infantil Professora Iraídes Gonçalves de Medeiros – Teca. A referida tela faz divisa entre o Centro de Educação Infantil e o campo de futebol Poeirinha. Nesse sentido, há necessidade de uma tela mais alta para a proteção de janelas de vidro ali existentes e do próprio telhado. Nossa quarta indicação, nobres pares, é indicada ao Prefeito Manoel Nery, Secretário Jean, Secretário Godofredo e Secretária Selma, para que seja verificado o padrão de energia do Centro de Educação Infantil Professora Iraídes Gonçalves de Medeiros – Teca. O referido padrão de energia oscila constantemente o que tem provocado transtornos ao Centro de Educação Infantil supracitado, pois as lâmpadas, ventiladores e outros equipamentos elétricos queimam com muita frequência. Assim sendo, é necessária a verificação e se necessário a troca do padrão existente por outro tipo de padrão de energia. Seria importante, também, que essa análise por parte do executivo fosse feita em conjunto com técnicos da empresa ENERGISA a fim de verificar aspectos como a tensão elétrica que chega ao padrão de energia. Então, essa foi uma reinvindicação da direção com relação ao padrão, então, a gente espera que seja solucionado o mais rápido possível. População, a nossa quinta indicação é endereçada ao Diretor Presidente da Energisa para que seja realizada a verificação nos fios da rede de eletricidade da Rua Emília de Assis Alves no Bairro Vale do Sol. Os fios da rede de eletricidade na rua supracitada necessitam de verificação, uma vez que aparentemente se encontram componentes com avarias, além do que existem muitos fios entrelaçados em galhos de árvore, podendo ocasionar incidentes, principalmente, se ocorrerem ventos muito fortes. Nesse sentido, é necessário a verificação in loco a fim de evitar incidentes e transtorno à população local. E a nossa sexta e última indicação, população, nobres pares, servidores, presidente, primeiro-secretário, encaminhada ao Prefeito Manoel Nery, ao Secretário Jean, Secretário Godofredo e Secretária Selma., que seja aumentada a tela de proteção existente na quadra de esporte localiza no Bairro Vale do Sol, fundo com a Rua Emília de Assis Alves. Então, trata-se de uma quadra de esporte localizada no Bairro Vale do Sol popularmente conhecida por Marrocos e bastante utilizada pra práticas esportivas, sendo necessário o aumento de altura da tela a fim de evitar o contato de bola com os fios de alta tensão, fato que pode ocasionar curto circuito e queda de energia. Assim sendo, é necessário essa ação a fim de evitar incidentes com quem utiliza a quadra, bem como com as pessoas que se deslocam pela referida rua. Então, Senhor Presidente, nobres pares, essas são indicações da noite de hoje, então, a gente percebe que também são indicações que a gente entende que pode ser realizada pelo o executivo municipal ou pelo o órgão competente ao qual a indicação é endereçada. Então, a gente aguarda que esses problemas eles sejam solucionados, para poder atender melhor o nosso cidadão camapuanense. Essas foram as minhas palavras, Senhor Presidente. Professor Jean: por você, por Camapuã. Ver. Jerson Junior – Seis indicações, Senhor Presidente, na noite de hoje, três endereçadas ao nosso Secretário de Infraestrutura Godofredo e três endereçadas à nossa Secretária de Educação Selma Ramirez. A primeira, que seja realizada estudo de implantação de ondulação transversal, popularmente conhecido como quebra-molas na Rua Bonfim, entre as Ruas Campo Grande e Marechal Rondon. Esse trecho, coincidentemente, pega ali a prefeitura municipal, pega o Sicredi, o acesso ao ESF Rural e Central, acesso pra quem vai para o Bairro Diamantina, Parque dos Ipês – Parque dos Ipês, não – São Miguel e até a Vila Nova Era e Jardim Nova Era. Então, assim, é uma via bem movimentada, constantemente tem acidentes ali, constantemente a gente vê alguém, infelizmente, batida de moto, de carro. Então, a gente pede que seja feito o estudo de implantação de um quebra-molas ou uma faixa de pedestre elevada nas esquinas, ou um lado das esquinas daquele pedaço. É uma demanda dos comerciantes e, principalmente, dos moradores e da população que utiliza aquela via constantemente. A segunda indicação, que seja realizada a substituição do quebra-molas enfrente ao Colégio Monteiro Lobato por uma faixa de pedestre elevada. Também é outra via bem movimentada, principalmente, nos horários de chegada e saída desses alunos tanto no período da manhã quanto no vespertino. É uma demanda apresentada pelos os pais dos alunos, pelas as pessoas que utilizam aquela via. Terceira, que seja realizada a implantação de iluminação pública na Rua Beltino de Lima entre as Ruas Cândido Severino e Marciano Malaquias da Silva. Já é uma demanda cobrada de alguns meses atrás e, agora, com o retorno das aulas presenciais na rede pública tem vários alunos que utilizam aquela via para se deslocarem da casa á escola e, depois, retornarem. E à noite, realmente, esse trecho entre a Rua Cândido Severino e a Rua Marciano Malaquias é bem escuro, pois é um trecho que não tem nem poste de energia, só tem um próximo à esquina da Rua Marciano Malaquias. Então, é necessário se feita uma implantação urgente de iluminação pública naquele trecho. A quarta indicação, direcionada à Secretária de Educação Selma Ramirez é que seja realizada a construção de uma sala de depósito, uma sala de direção escolar e uma sala de coordenação na Escola Municipal Lucas Alves do Vale. Em visita a essa unidade escolar, ela já é um prédio antigo, é uma das unidades que não teve reformas na gestão anterior, precisa dessa sala específica pra coordenação, pra direção e até para depósito. Eu acredito, Senhor Presidente, que não seja uma sala tão grande, mas é de estrema importância para um conforto pra esses profissionais para melhor desenvolvimento do trabalho deles. A quinta indicação é que seja realizada a construção de uma sala de depósito na Escola Municipal Eurico Gaspar Dutra, na Vila Industrial. Também, é uma unidade escolar que passou por reformas na gestão anterior, só que não tem uma sala específica para depósito, para aguarda equipamentos, mantimentos outras coisas. É uma cobrança da direção dos profissionais que trabalham naquela unidade escolar. E por último, indicação realizada em conjunto com o Nobre Vereador Professor Jean, nosso Presidente Vereador Lellis Ferreira da Silva, e o nosso Secretário Pedrinho Cabelereiro, que seja realizada a construção de duas salas de aula na Escola Municipal Cláudio José de Lima e, também, Nobre Vereador Pedrinho, o retorno do quinto ano do ensino fundamental nessa escola. É uma cobrança dos pais que têm filho naquela escola que, consequentemente, quando eles passarem para o quinto ano, eles possam deixar seus filhos estudando nesta unidade escolar, também é uma cobrança daqueles que tiveram que trocar o filho de escola porque não tinha mais esse atendimento. Em visita à unidade escolar, uma escola que passou por reformas, mas é de conhecimento de todos nós que ela tem uma alta demanda de procura por vagas. É uma escola que muitos pais gostam, pois é bem vista na sociedade escolar, na comunidade escolar. Então, é um pedido nosso, Senhor Presidente, Secretário, Professor Jean, para que tenha essa atenção à construção dessas duas salas de aulas nessa unidade escolar para que possa aí, quem sabe já a partir do ano que vem, atender mais alunos, atender mais crianças da região e do nosso município. Presidente – Ver. Lellis Ferreira da Silva – Apenas pra complementar a fala de Vossa Excelência Excelentíssimo Vereador Jerson Junior. Realmente, eu também estive conversando com a diretora Professora Elza, a Marina, Elizete, elas falaram numa oportunidade dessa necessidade da construção de mais duas salas de aula para melhorar o ambiente das crianças. Lá tem duas salas grandes e, infelizmente, tem umas duas, três que são pequenas. Essas que são pequenas, pelo o motivo da pandemia agora ela se torna insuficiente, em questão de espaçamento, se tornaram inviáveis pela questão de espaçamento, de tudo. Realmente, coloca as crianças ali da Escola Municipal Cláudio José de Lima em situação de risco, pois é muito importante essa indicação, bem como as demais de Vossa Excelência. E vamos conversar com o prefeito, também, para que possa no futuro colocar no seu orçamento a construção dessas importantes salas de aula e o depósito solicitado por Vossa Excelência, apenas para complementar a fala de Vossa Excelência.  Ver. Jerson Junior[3]Obrigado, Senhor Presidente, pelas palavras, com certeza é importantíssimo este pedido com mais vereadores cobrando. Tenho certeza que o prefeito irá nos atender. Referente à necessidade do caminhão pipa citado pelo nobre vereador Marquinho Moreira, alguns meses atrás, nobre vereador, também fiz, essa indicação, mas para a Coordenadoria Estadual de Defesa Civil de Mato Grosso do Sul e infelizmente não obtivemos nenhuma resposta e nenhum retorno. Em conversa com nosso deputado estadual, foi solicitado esta cobrança só que, também, não foi repassado nenhum retorno a ele e nem à sua equipe. E naquela ocasião nós solicitamos disponibilidade, de repente, cedência de um caminhão pipa e ate mesmo o envio de EPIs apropriados para o combate a incêndio e capacitação dos nossos servidores, até de pessoas do particular que queiram aprender corretamente como combate um incêndio, infelizmente, nós estamos em um período de seca, estiagem e o índice de queimada agora só aumenta, nós já estamos sentindo no reflexo do dia a dia, do tempo seco, muito empoeirado e é um momento critico pra nossa região. No ano passado nós sofremos muito neste período e a principio a tendência é a mesma, ou seja, vamos sofrer novamente com esse período de estiagem, mas as autoridades superiores a nós não nos atenderam e também não prestaram atenção que em outras regiões do Estado também ocorre esse mesmo risco, pois que está acontecendo no pantanal, mas como uma pessoa bem me disse, o pantanal é um cartão postal do Estado, todos prestam atenção e esquecem do outro pedaço, outras regiões do nosso Estado, principalmente, a nossa que é região norte, é uma região bem castigada com estiagem. Senhor presidente, Foram só essas minhas palavras. Boa noite a todos e obrigado. Ver. Dr. José Dias – Ouvi atentamente a postura de cada um de nós aqui dessa Casa. É sabido que a saúde, não só a saúde, mas quase todo setor de administração pública sofre de uma pandemia. E a pandemia chama-se gestão, a falta de gestão na saúde. Quando estou vendo aqui reclamação de médico, de atendimento médico para a Pontinha do Coxo, ora, senhores, aquilo lá é antigo, essa reclamação é antiga. Não é mandando médico – eu já falei isso aqui – não é mandando uma vez por semana que a pessoa não fica doente, uma vez só na semana ou no mês. Há necessidade de que tenha um médico de, pelo menos, dia sim dia não. Isso se chama gestão, cuidado com a saúde da população, que o médico vai, pelo menos, dia sim, dia não, naquele município, naquele distrito. O ideal é que fosse, cada dia, tivesse um médico para atendimento, aquele distrito distante daqui, cerca de oitenta quilômetros, setenta e cinco quilômetros. Então, se isso não é possível, se a gestão não é capaz de fazer, coloque-se ambulância por hoje, a nossa saúde é feito nas rodas da ambulância, bota ambulância lá, enche de ambulância, cada dia fica lá uma enfermeira, um técnico de enfermagem e os motoristas para trazerem os pacientes para serem atendidos aqui. Mas e aí vai ser atendido onde? Sendo que até em nosso município esta faltando médicos. Em nossos ESFs estão faltando médicos, ou seja, não tem médicos para atender. Hoje mesmo atendi mais de quinze pessoas lá na vila da lagoa, pelo menos oito, senhores, foi encaminhado aqui para o centro não é porque não tem médico para atender. Então, qual é o tratamento dessa pandemia de falta de gestão? É. Gestão. Vamos vacinar, fazer gestão colocando médicos em cada unidade, aquela unidade lá era um ESF, aliás, eu até hoje acho que é ESF lá na Pontinha do Coxo, não tenho bem certeza, mas cadê o médico para atender esse ESF lá. Não tem. Ora, senhores, não é falta de médicos porque quantos médicos estão querendo trabalhar e procurado nosso município. E cadê que foi contratado? Não foi. Pois, não. APARTE – Ver. Hélio Policial – Ouvi atentamente vossas palavras, Dr. José, que tenho grande estima e respeito, nosso médico como o Vereador Pedrinho acabou de mencionar em suas falas, gostaria de dizer ao senhor que ambulância esta á disposição, dois enfermeiros também à disposição e o médico atendendo às terças e quintas. A reclamação abrangeu a área rural, e eu estendi, alcançando as palavras dele, estendi a Pontinha do Cocho, porque recebi uma reclamação de que tem o médico e não foi feito o atendimento por alegação que atingiu o número de atendimentos. Então, até o senhor mesmo pode dizer com conhecimento técnico-profissional que o senhor tem da área, as condições que é aquela área de saúde lá, se é pra atendimento restrito ao número de pessoas, ou pode fazer esse atendimento extremamente humano que o senhor acabou de dizer que fez na Pontinha do Cocho, na Vila Industrial hoje. O senhor pode ate nos dizer à população que esta nos assistindo, a todos os vereadores que estão aqui, aos servidores, para esclarecer para nós que, honestamente, eu não lhe sei dizer, tanto é que fiz a solicitação ao secretário para que os atendimentos não sejam restritos o número lá na Pontinha do Cocho, mas repito: duas vezes estão sendo feitos atendimentos médicos lá, às terças e quintas-feiras, inclusive hoje. Muito obrigado.  Ver. Dr. José Dias – Obrigado pela sua fala. Mas o que eu gostaria de esclarecer, segundo a organização mundial de saúde, um médico não pode atender mais que dezesseis pacientes em cada turno que ele trabalhar. Isso porque pode causar a perca da qualidade profissional, ou seja, o médico errar um diagnóstico, mas aí os senhores perguntariam: mas é em uma situação de calamidade, de emergência, médico pode atender? Pode, mas aí é emergência. Mas nos casos eletivos, porque lá é um caso eletivo, não é um lugar de emergência, lá teria que o médico atender no máximo dezesseis casos por cada turno. Ora, isso não satisfaz. Porque eu já atendi lá. Já atendi até cinquenta pessoas em um dia que eu fui lá, mas eu sou exceção, não posso fazer minha exceção a lei dos outros. E se a lei é dezesseis como é que estou atendendo cinquenta? Mas eu, todavia, sempre fiz isso. Aqui no posto central eu cheguei atender oitenta em um dia, mas é porque não tinha médico. E eu atendia. Mas o porquê de fazer tudo isso? Política? Não. E sim porque eu me sensibilizo com o sofrimento das pessoas que precisa ser atendida. Por isso atendia. No tocante ao hospital, eu já nem falo nada. No tocante às cirurgias, cesarianas, partos. Por que eu não falo nada? Porque a culpa não é do presidente, senhores, a culpa não é do presidente. Por que não é do presidente? Por que reunido ele, eu, secretário de saúde, prefeito, o presidente do hospital falou assim: eu entrego a área cirúrgica e a área de obstetra para a prefeitura colocar os funcionários para trabalhar porque eu não tenho condição de arcar com a responsabilidade. Se ele falou isso eu perdi até o rebolado de estar cobrando, pois se a cobrança, se a responsabilidade é da prefeitura, então, que a prefeitura assuma a responsabilidade que ate hoje não assumiu. Essas cirurgias a peso de ouro, que eu sempre falei aqui, são cirurgias ortopédicas que são muito importante, mas o governo colaborou e a prefeitura também, mas também, senhores, nós fomos à governadoria falar com o secretário, e ele falou que esse modelo é excepcional e que acabou, acabou agora dia trinta e deverá vir um novo modelo. Mas são três meses, senhores, será que vai acontecer? Todos nós conhecemos como funciona a ordem pública, o setor público de trabalho. Será que vai ter cirurgia? Esta aí um questionamento para todos e fazer a cobrança para que haja cirurgias. As mulheres, senhores, quando eu viajei para o Rio de Janeiro, eu deixei três mulheres tomando sangue por hemorragia, são cinco anos esperando uma cirurgia e quantas mulheres não tem aqui em Camapuã com esse mesmo problema? Só opera aquela que tem dinheiro, que paga o hospital, aí tem a cirurgia, mas se não pagar não tem. Agora, de quem que é a culpa? Setor público. A miopia do gestor público deixa acontecer tudo isso. Muito obrigado. – Ver. Marquinho Moreira – Senhor Presidente, como eu ouvi aqui dois vereadores agradecendo a pessoa do Paulinho Eletricista que está fazendo um ótimo serviço em nossa cidade, que a gente passa por aí e quando a pessoa reclama para gente, e a gente esta aí ligando para ele, onde ele vai imediatamente atender o pedido desses vereadores que não é pedido do vereador, é pedido da população que está pedindo. Então, a gente quer fazer um agradecimento a esse nobre amigo, o Paulinho da elétrica. E falar o quão é importante a empresa responsável, porque nessa empresa da iluminação está fazendo um ótimo serviço em nossa cidade, com um profissional como o Paulinho que está fazendo e atendendo o pedido das pessoas, quando a rua esta escura as pessoas têm que passar ali e é uma dificuldade enorme. E parabéns, Paulinho. Em cima disso, a gente volta a falar da viabilização, da aquisição de um caminhão pipa, equipado para os primeiro combate aos incêndios. Então, que o prefeito tenha a sensibilidade, ainda que estude, para que seja feito uma terceirização desse serviço, principalmente, agora nesse período de estiagem, que nós não queremos que acontece, mas se acontecer algum incêndio ou alguma coisa, a gente sabe que não dá tempo dos bombeiros chegarem aqui sem ter o primeiro combate ao incêndio. E também que o nosso prefeito esteja mais atento a essas empresas que ganharam a licitação dos asfaltos, que esteja cobrando mais, para que haja mais rapidez. E daqui uns dias já vai começar o período da chuvarada, mas uns sessenta dias, quarenta e poucos dias, se Deus quiser, vai vir a chuva para nós, estamos precisando muito. E aí vai ficar difícil de estar acabando este serviço, tanto a pavimentação asfáltica, como os outros serviços de pavimentação do nosso município, o qual foi deixado até pela gestão passada, já era pra ter feito, já era para ter acabado esse serviço. Então, queremos que a gestão atual esteja atuando e cobrando essas empresas para que seja feito este serviço ai o mais rápido possível. E também pedir, até o companheiro Pedrinho me perguntou e a gente já estava pra ser falado, sobre os entulhos da nossa cidade. Nós temos lá na Rua Mato Grosso do Sul, como os nobres vereadores tiveram lá olhando, tiveram olhando vereador Pedrinho, Vereador Hélio, viram que a necessidade é grande, e não é desse vereador, é da população lá, que esta lá, que está pedindo. Então, a gente agradece por vocês terem ido lá e conversado com a população, pois a população até comunicou com a gente, a gente ficou muito feliz por esta visita de vocês lá em nossa vila e, assim, agradecer o reforço para que nós estejamos cobrando para que seja feito uma terceirização para fazer este serviço de urgência. A gente sabe que a prefeitura ate vem falando, ou seja, da uma escassez de maquinário, que não está tendo, então, terceiriza esse serviço para que faça o mais rápido possível. E também que seja olhada com atenção aquela reciclagem lá da Vila Industrial para que dê um jeito de transferir ela lá. E a minha ideia e que seja transferida lá para os barracões onde vai ser o polo industrial do município até que esteja instalando uma empresa ou alguma coisa que seja utilizado aquele barracão lá. Então, a gente pede ao prefeito que esteja atuando nesse sentido para trazer mais comodidade aos habitantes do município de Camapuã. Foram essas as minhas palavras, Senhor Presidente. Ver. Pedrinho Cabeleireiro – Senhor Presidente, eu quero aqui trazer uma cobrança ao nosso secretário Godofredo, sobre a questão da sinalização, já foi falado aqui nessa tribuna, já foi mencionada. E a gente vê que não houve nenhuma movimentação para resolver esse problema, então, eu moro ali na Vila São Miguel, eu vejo outras ruas do nosso município onde foi feito o recapeamento, onde foi recuperado outras ruas fazendo asfaltos e a gente não viu a sinalização ainda. Então, a gente espera a agilidade do secretário quanto à sinalização. Inclusive, no meu bairro ali, tem uma escola, então, não tem uma sinalização adequada onde os motoristas de ônibus, ali motoqueiros e até moradores do bairro não veem uma placa ali, nem uma sinalização horizontal para eles verem, então, a gente pede para eles terem a sensibilidade, do senhor secretário, quanto ao pedido dos moradores dali e de todo mundo da nossa cidade, pois começaram e pararam e não sei o por quê? Então, atenção quanto a esse pedido. Outra questão, Senhor Presidente, há uma cobrança (…) – APARTE – Ver. Marquinho Moreira – Vereador, em cima dessa palavra do senhor quero retratar ali a Rua Habib Lawands que esta faltando a faixa de pedestres. E como começou agora as aulas a gente, não estou informado certo como é que está o começo das aulas ainda, mas ali vai começar agora a passagem de alunos. Então, a gente gostaria muito que administração tivesse acabando aquele serviço ali porque é um serviço essencial. Foram essas as minhas palavras. APARTE – Ver. Hélio Policial – Comungo com a ideia, com as palavras vossas e do vereador Marquinho Moreira, inclusive, senhor vereador, a Lei nº 9.503/97, que instituiu o Código Nacional de Trânsito, em seu artigo, salvo me engano, no Art. 88, fala que nenhuma obra poderá ser entregue antes de devidamente sinalizada verticalmente, horizontalmente, ou seja, todas essas sinalizações já existem uma previsão legal. Todavia, é fácil perceber que todos nos sabemos que o munícipio ele não possuios equipamentos e nem um setor responsável para fazer essas sinalização. E partimos da lógica que, se o município não tem, ele tem que contratar. Se ele tem que contratar, ele tem que licitar. E se ele tem que licitar, nós sabemos de toda a burocracia que é do processo licitatório que é a nossa querida Lei n° 8666/93. Então, tem toda uma questão de decurso de tempo. Então, eu na qualidade de líder do prefeito, comungo com as palavras dos senhores, necessitam das sinalizações nos termos da legislação, todavia, pedimos certa cautela, até porque o nosso prefeito municipal Manoel Nery veio aqui e falou que em seis meses já foram feito cento e duas licitações. Então, o negócio está a todo vapor. E com certeza o prefeito, junto o secretário Jean Carlos, extremamente competente, vai dar conta de em breve estar sinalizando, que vai fazer o atendimento como o nobre colega disse, não dos vereadores e, sim, do povo de Camapuã. Muito obrigado. Ver. Pedrinho Cabeleireiro – Eu comungo com a ideia de Vossa Excelência, mas não posso concordar até porque foram feitas sinalizações em algumas vias de nosso munícipio. Então, eu estou aqui trazendo a mensagem da nossa população e o nosso secretário tem que acelerar, tem que fazer. Eu sou parceiro da gestão, mas sou empregado do nosso povo. APARTE – Ver. Jerson Junior – Vereador, retornei aqui só para falar do meu apoio à sua cobrança, pois realmente a população nos cobra. É sabido por todos nós, pela gestão, que o retorno às aulas estava próximo e, como Vossa Excelência falou, em alguns pontos foram feitos a sinalização do pare próximo às esquinas, faixas de pedestres, sabemos, entendo a colocação do líder do prefeito, com relação às licitações, pois é uma parte burocrática da gestão pública, mas estamos a finalizar aí o oitavo mês de gestão. E licitações mais complexas de valores mais volumosos, até entendo que existe uma certa cautela e demanda, mas acredito que essa demanda para aquisição de equipamentos e até mesmo das tintas para pintura das faixas horizontais, acredito, que não tenha problema nenhum. Acho que é uma coisa assim mais simples, mas tem que ser feito uma agilidade, pois não vamos esperar e, daqui um pouco, terminamos doze meses de gestão e ainda não conseguimos concluir todas as pinturas devidas nas faixas de pedestres, nas linhas de pare e outras demandas mais que todos [4]nós já apresentamos no decorrer desse ano nas sessões. Obrigado, nobre vereador. Ver. Pedrinho Cabeleireiro – Respeito o líder do prefeito, meu amigo, pelo esforço por estar defendendo, essa cobrança de uma situação que eu estou colocando diretamente ao secretário, mas o responsável é o chefe do executivo, então, a gente pede a sensibilidade do senhor prefeito e que tenha um diálogo com os secretários para que essas cobranças não venham acontecer aqui nesta Casa de Leis, pois são coisas pequenas que poderiam ser resolvidas pelos seus secretários. Aproveitando, trago aqui novamente, o nosso secretário hoje está bem lembrado, o secretário de infraestrutura, o Sr. Godofredo, sobre a questão, líder do prefeito, sobre a poda da árvore, no meu caso, não, pois é o corte de árvore que nós até já discutimos sobre essa situação, aonde estive presente juntamente com o senhor presidente, com o líder do prefeito, inclusive, até o secretário esteve no local, só que não foi resolvido, aonde ele fala que o morador tem que pedir a autorização à Enersul, onde a gente sabe também que ali é uma calçada, é uma via pública, então, não é do morador, então, o secretário tem que prestar mais atenção sobre as nossas cobranças, sobre a realidade da nossa população, se fosse dentro do quintal do morador tudo bem, eu acho que eu vou pedir ajuda ao meu companheiro Ademar Laurindo, para resolver essa guerra, mas a gente pede aí, Senhor Presidente, a sensibilidade quanto ao pedido da nossa gente, pois é um pedido pequeno, mas de grande importância e está colocando a integridade da moradora em risco, a moradora sozinha, e Vossa Excelência mesmo viu e pode falar isso também. Outra questão, a gente pede que o senhor secretário faça a licitação da ponte da Vila Izolina, eu venho cobrando desde o inicio de dois mil e dezessete, agora chegou nessa gestão da qual eu participo, da qual eu faço parte, estou aqui, hoje, cobrando, sou defensor do prefeito, mas não posso comungar com os secretários, então, nosso secretário não pode penalizar o nosso prefeito, eu não estou aqui para atacar ninguém, estou trazendo a mensagem, líder do prefeito, da nossa população, então, eu simplesmente sempre fui dessa forma, sempre lutando pelo interesse da nossa população, e estou sempre sendo cobrado e estou cobrando hoje os senhores secretários. Outra questão, é sobre a limpeza da Vila Industrial, até a gente tem a sensibilidade de entender que temos uma pá carregadeira aí que está na bacia das almas, está quase fundindo, até o senhor líder do prefeito me convidou para ir atrás de outra, a gente também, Senhor Presidente, corremos atrás para ajudar a gestão, corremos atrás de recurso, corremos atrás das coisas, buscamos uma motoniveladora, uma patrola, agora nós vamos correr atrás de uma pá carregadeira para ajudar o nosso município, mas muitas coisas pequenas têm que ser resolvidas, admiro ele por ter se esforçado ali, mas a gente viu que em outras ruas foi diferente, foi feito as faixas, a faixa, vou pedir a sensibilidade do secretário quanto ao atendimento à nossa gente. E sobre a Vila Industrial, na hora que tiver uma oportunidade, você vê, uma questão da limpeza desde a gestão anterior, passaram-se oito meses, tem gente esperando que o secretário acelere, porque o penalizado não são os secretários, mas somos nós vereadores e o prefeito o qual nós defendemos nesta Casa de Leis, então, a gente pede a sensibilidade do senhor secretário quanto ao pedido do nosso povo. Aproveitando, Senhor Presidente, reiterando, as cobranças, o secretário de saúde, voltando ao assunto do secretário que eu mencionei aqui nesta Casa de Leis, a gente fica muito triste porque a gente não obtém nenhuma resposta, que nem eu falei aquele dia, às vezes as nossas indicações chegam e eles nem olham, e quando a gente traz as cobranças aqui, eu fico revoltado, hoje já estou mais calmo, mas eu vim revoltado nesta tribuna, porque a população, ela, nos cobra, eu foi um compromisso de campanha e eu fazia parte daquele palanque. E eu estou cobrando aqui o direito do nosso povo porque tem as unidades por lá. Veja, região, líder do prefeito, e levar o conhecimento do executivo, porque os penalizados somos nós que estamos aqui, somos o para-choque da gestão e o prefeito. Então, a gente pede que o líder do prefeito leve essa mensagem e que atenda a Região dos Galdinos, que atenda a região dos Melhados, que atenda a região das Cachoeiras, o povo está pedindo, o justo, está lá a unidade é só atender, presidente, é uma vez por mês que eles querem, não são duas vezes igual o distrito e eu acho que tem que atender mais, como disse o nobre par, e colega Vereador Dr. José Dias, hoje mesmo tive a felicidade de visitar um colega e vi o colega atendendo gente aqui da cidade, o qual no final ele deu carona para um paciente. Parabéns, vereador, pela sua atitude, pelo seu gesto humano com a população, tem o meu apoio, eu acho que Vossa Excelência tem que retornar aos trabalhos para dar mais dignidade ao nosso povo, a gente sempre conversou fora do mandato de vereador, sempre sensato, sempre querendo ajudar o próximo. E Vossa Excelência, Senhor Presidente, sabe muito bem disso, nós sempre tivemos dificuldade na passada quanto à questão da saúde no nosso município. E eu estou aqui hoje brigando também para que o colega volte atender, porque tem pessoas aí esperando, sofrendo com hemorragia, onde tem um colega aqui, um profissional que já fez mais de sete mil cirurgias, onde ajudou muito a nossa população, então, a gente pede aí a sensibilidade do senhor secretário, que é o responsável, que é o gestor dessa pasta para que resolva o problema, sou parceiro do colega, acredito que todo mundo é parceiro, e parceiro de Camapuã-MS, que saúde é vida. Então, esperamos que o secretário amoleça o coração e muitas vezes, Senhor Presidente, até esses dias tive sorte, que tire a algema da mão do secretário, que a gente liga ele não atende, está algemado, que tire a algema dele também. Porque se for, senhor líder do prefeito, para elogiar um colega eu vou elogiar como eu já elogiei, mas se for para falar eu vou falar também. O que não pode é o prefeito qual nós defendemos ser penalizado por secretário, eu estou aqui, e defendo o prefeito, fiz a cobrança para o senhor secretário o qual Vossa Excelência foi lá e defendeu, eu acho que está coberto de razão por ele ter se esforçado, mas acredito que o senhor, ao meu ver, por ter admiração por Vossa Excelência, sou muito seu parceiro, muito seu amigo, não saio da sua casa como o senhor da minha, mas a gente não pode defender uma questão onde eles estão prejudicando o nosso prefeito. Foram essas as minhas palavras, Senhor Presidente. Ver. Ronnie Sandro – Eu, esta noite, só fiz uma indicação na sessão e deixei para falar agora. Essa indicação é ao senhor prefeito Manoel e ao secretário de infraestrutura Godofredo, pedindo a ele para colocar uma caçamba diariamente na Rua Habib Lawandes, na Vila Diamantina, ali o pessoal está jogando bastante entulho perto daquela passarela, está feio, muitos moradores ali já falaram até de fazer um vídeo, e eu pedi a eles um pouquinho de paciência que a gente ia tentar colocar uma caçamba ali para eles jogarem aquele lixo, aquele entulho, são folhas, galhos de árvores, muita coisa. Porque aí fica uma rua mais bonita e a gente sabe que não só ali, em vários lugares precisa igual os companheiros acabaram de falar lá da Vila Industrial, ali é direto daquele jeito Vossas Excelências sabem, porque limpa e os moradores põe de novo porque não tem outro lugar para colocar, e a gente sabe da luta do prefeito Manoel de recuperar essas caçambas porque ele pode colocar essas caçambas nesses locais e, assim que for enchendo essas caçambas, os próprios moradores vão ligando para a pessoa que retira e eles vão retirando e assim nós teremos uma cidade mais limpa. A gente lembra na gestão anterior. Do Sr. Moysés, ele firmou bem esse trabalho com as caçambas, comprou bastante, adquiriu bastante, deixou a cidade bem organizada, depois deu uma derramada aí, as caçambas acabaram, agora a gente está vendo uma atenção especial novamente com essas caçambas. Foi dito aqui pelo Vereador Pedrinho Cabeleireiro, uma indicação que ele fez, que eu já tinha até feito também, que é pedindo uns médicos na Região dos Melhados, dos Galdinos e também na Cachoeira, e isso é um compromisso de campanha, vereador, quando eu estive com o prefeito Manoel na campanha lá na Região dos Melhados, o que eles mais cobraram a gente foi isso, pelo menos uma vez no mês um médico, um dentista e um médico para atender aqueles moradores ali daquela região e, assim, os outros também espera. E a gente sabe que hoje uma gestão que faz saúde é uma gestão eficiente, uma gestão boa e a gente é carente disso aqui, as gente sabe que já melhorou a saúde nessa gestão, mas se Deus quiser vai melhorara muito mais porque a gente sabe que o prefeito Manoel não veio aqui para brincar, veio aqui para fazer uma gestão séria e a gente sabe que com certeza vai fazer um excelente trabalho. Nós temos o Dr. José, um excelente cirurgião aqui e tem muitas pessoas eu não consegue fazer a cirurgia aqui porque as que precisam ser feitas não entram no quadro dessas que estão sendo feitas. E a gente sabe que precisa, Dr. José, de uma oportunidade para atender essas pessoas, quem precisa não é tanto ele quem precisa são as pessoas, os moradores aqui dessa cidade que precisam de uma cirurgia dessa e ficam na fila as vezes um, dois ou três anos na fila esperando. Eu gostaria só de fazer uma reinvindicação aqui, Senhor Presidente, esses tempos eu quis fazer uma indicação aqui, até não sabia, a indicação foi feita pelo Prof. Jean, a respeito da revitalização da lagoa na Vila Industrial, não pude fazer a indicação porque o professor já havia feito, embora o termo que eu ia pedir é um termo diferente, eu entendo, mas depois, agora todo mundo faz as mesmas indicações que a gente fez, eu não sei o que está acontecendo aqui, se for assim todo mundo pode fazer. Eu não sei o que está acontecendo? APARTE – Ver. Pedrinho Cabeleireiro- Eu, até nas condições de secretário da Casa de Leis, eu tenho observado alguns equívocos, pois na gestão anterior não acontecia isso, Senhor Presidente, então, eu gostaria que verificasse com os nossos parceiros que fazem um excelente trabalho para a gente nesta Casa de Leis, mas que observasse com mais carinho, eu acho que os pedidos reforçam, eu acredito, eu até converso com muitos vereadores de outra cidade e, às vezes, o pedido verbal é mais interessante, vai lá, conversa, requeri, mas eu acho que isso que está acontecendo é estranho, até porque o vereador faz uma indicação, tem outra parecida, então, a gente pede que os nossos parceiros dentro da Câmara seja mais, assim atenciosos, porque são uns tremendos profissionais, não estou falando mal deles, mas tem que ser resolvida essa situação, porque às vezes um fala uma coisa e o outro fala mas eu já fiz essa indicação, fica uma coisa meia estranha, então, eu acho que tem que ser resolvida essa situação. Presidente Ver. Lellis Ferreira da Silva – Eu esclareço para o Excelentíssimo Vereador Pedrinho Cabeleireiro e Excelentíssimo Vereador Ronnie Sandro, que essa questão de cobrança a respeito das indicações de Vossas Excelências, este presidente aqui está sempre cobrando a secretaria desta Casa de Leis, mas pode ter certeza que eu vou cobrar mais ainda, na verdade todos nós vereadores o direito é igual de um para o outro, não tem nenhum que pode fazer A ou B, todos nós estamos aqui para defender a nossa população, essa mensagem que eu acabei de receber de Vossa Excelência eu vou tornar a cobrar o pessoal que é responsável por fazer essas indicações de Vossa Excelência. É preocupação de vocês, é preocupação minha como vereador também e, principalmente, indicações essas que a população nos cobra todo dia, que são as necessidades realmente ali que eles têm no seu dia a dia, no seu direito de ir e vir, mas vão cobrar principalmente o nosso prefeito também, se ele começar a resolver essas indicações com certeza vai diminuir as necessidades da nossa população, mas hoje, recebi essa mensagem e vou fazer as devidas observações, corrigindo os nossos servidores nesta Casa de Leis. Ver. Ronnie Sandro – Obrigado, presidente. Eu gostaria só de parabenizar a atuação de cada vereador aqui, a gente vê cada vereador aqui fazendo um excelente trabalho, estão realmente fazendo aquilo que é capaz de fazer e uma gestão séria aqui na Câmara, onde todo mundo só tem um objetivo que é defender a população, fazer aquilo que realmente é a função do vereador. Parabéns à Câmara dos Vereadores, parabéns a todos os vereadores. Muito obrigado. Ver. Ademar Laurindo – Eu queria só fazer um agradecimento à nossa Deputada Federal Rose Modesto, que ontem nós tivemos, ela ligou e me chamou para termos uma conversa, até o professor Jean eu não sei se esteve por lá também. E nós tivemos uma conversa muito boa, eu gostei muito da conversa com ela, tivemos um bom bate-papo e ela me sugeriu “Laurindo, o que você esta precisando lá?” Então, ela sugeriu para mim: “o que você esta precisando lá?”, eu quero trabalhar com você, até fez umas gozações lá porque ela achou que eu sou gaúcho, mas eu sou paranaense, mas é da mesma raça e eu falei para ela, ela falou: “você pega e faz uma indicação” que eu falei que precisava de uma retroescavadeira para o secretário de agricultura nossa que depende, ou seja, os pequenos produtores fazerem uma represa, fazer um criame de peixe, fazer uma coisa, então, não depende da prefeitura. E esse pedido eu já tinha feito ao Deputado Federal Beto Pereira, mas como elas expôs assim, falou para mim: “você faz direto a indicação, manda o menino fazer para você e traga em mãos para mim, que eu quero ter o prazer de lhe atender”. Então, para mim eu acho que foi uma satisfação muito grande conversar com ela. E vamos esperar para ver até onde vamos chegar, vamos dar um tempinho para ela. E também quero agradecer ao nosso Deputado Estadual, o Renan, o Capitão, que também me chamou lá e deu umas sugestões muito boas, então, vamos aguardar porque com certeza vamos ter alguma solução, alguma resposta, para vim alguma coisa para Camapuã. E eu quero também falar um pouquinho sobre aquela geladeira solidária que eu consegui com um amigo meu de Campo Grande, o Protásio, que nós conversando a ideia surgiu. E houve aqui em Camapuã-MS uns latrocínios, uns roubos por aí nas casas, e teve gente que me ligou, “Laurindo, você está tratando de pessoal ladrão, que o ladrão que está por aí, é gente mal encarada, você não vai ganhar um voto desse povo”, mas aí o que eu respondi: “Eu tenho certeza que eu não estou fazendo isso, matando a fome desse pessoal com interesse de voto”, que eu tenho certeza que muitos, não todos, claro, não vou desprezar, mas tem um ou outro que nem documento tem, não vota em Camapuã- MS, não vota em Campo Grande- MS, é um pessoal que está necessitado de comida, de matar a fome, então, eu estou sofrendo também com isso porque, geralmente, a minha esposa faz dez marmitas por dia, tem dias que não faz porque ela também tem que sair, não pode. E de onde que está saindo essa comida? Eu estou gastando, pois é carne todo dia, então, eu quero pedir desculpas para quem me entende mal algumas vezes, mas eu estou tentando fazer alguma coisa. E estou conseguindo, nós ganhamos algumas coisas, arroz ganhamos, fizemos, mas não estou me santificando por isso, se alguém pensar mal, achar que eu estou fazendo para intenção de voto, vocês podem analisar bem que não é isso mesmo, até porque não tem como você requerer voto de um pessoal desse. Então, não sei se continuamos fazendo ou o que vamos pensar sobre isso aí. Obrigado, boa noite. ORDEM DO DIA – ORDEM DO DIA PARA SESSÃO ORDINÁRIA DO DIA 24 DE AGOSTO DE 2021 – 1º Secretário – Ver. Pedrinho Cabeleireiro1 – Seis Indicações de autoria do Vereador Prof. Jean, endereçadas a várias autoridades fazendo pedidos de providências; 2 – Cinco Indicações de autoria do Vereador Jerson Junior, endereçadas a várias autoridades fazendo pedidos de providências; 3 – Quatro Indicações de autoria do Vereador Marquinho Moreira, endereçadas a várias autoridades fazendo pedidos de providências; 4 – Três Indicações de autoria do Vereador Hélio Policial, endereçados a várias autoridades fazendo pedidos de providências; 5 – Duas Indicações em conjunto de autoria do Vereador Hélio Policial e Pedrinho Cabeleireiro, endereçadas a várias autoridades fazendo pedidos de providências; 6 – Uma Indicação em conjunto de autoria dos Vereadores: Jerson Junior, Prof. Jean, Pedrinho Cabeleireiro e Lellis Ferreira da Silva, endereçadas a várias autoridades fazendo pedidos de providências; 7 – Uma Indicação de autoria do Ver. Lellis Ferreira da Silva, endereçadas a várias autoridades fazendo pedidos de providências; 8 – Uma Indicação de autoria do Ver. Ronnie Sandro, endereçadas a várias autoridades fazendo pedidos de providências; 9 – Uma “Moção de Aplausos e Congratulações”, de autoria do Vereador Hélio Policial, endereçada aos Investigadores de Polícia Judiciária Leonardo Silva da Rosa, Marcos André Santos Chaves e Wagner Gustavo Mantero da Mata de Camapuã-MS. Plenário das Deliberações, Ver. Deusdete Ferreira Paes, 24 de agosto de 2021. Em seguida, o presidente colocou em discussão a Ordem do Dia. Não havendo discussão, a mesma foi á votação e obteve aprovação unânime dos senhores vereadores. EXPLICAÇÕES PESSOAISVer. Helio Policial – Senhor Presidente, lá no início dos trabalhos legislativos aqui – fevereiro e março – eu disse que o povo, por onde eu ando, espera muito desta Casa de Leis e graças a Deus estão dando conta do recado, ou seja, é uma mesclagem de vereadores mais antigos, o Vereador Pedrinho Cabeleireiro, o senhor, o Vereador Dr. José, professores, o Vereador Jerson Junior e o Vereador Prof. Jean, o empresário e comerciante Vereador Marquinho Moreira. Então, estão até brigando – brigando, não – discutindo, debatendo, discordando de algo pra fazer o bem pra Camapuã-MS, para o povo de Camapuã. Então, isso é muito bom. E eu, na qualidade de líder do prefeito, fico bastante feliz em ver uma Casa de Leis lutando pelo bem do povo de Camapuã. Então, parabéns aos colegas, lutando inclusive, relutando por conta de indicações semelhantes diríamos assim. Senhor Presidente, ouvi alguns colegas, salvo engano, o Vereador Pedrinho Cabeleireiro falando a respeito que às vezes não são lidas as indicações dos vereadores desta Casa de Leis. Semanalmente, eu despacho diretamente com o prefeito. As indicações são levadas ao prefeito e ele está lendo. E para evitar esse dissabor, esse desencontro, eu solicito a Vossa Excelência que todas as indicações sejam encaminhadas via ofício, se possível, diretamente ao gabinete do prefeito para que eu possa estar despachando. Porque algumas das indicações são direcionadas aos secretários e, honestamente, eu digo a Vossas Excelências que eu não despacho juntamente com os secretários. Eu despacho diretamente com o prefeito. Então, se caso essas indicações puderem chegar até o prefeito, cópia ao prefeito, a gente pode estar avaliando semanalmente. Presidente – Ver. Lellis Ferreira da Silva – Excelentíssimo Vereador Helio Policial. Todas as indicações, Vossa Excelência faz a indicação, todas vão para o senhor prefeito, com cópia, na verdade, o correto a gente faz a solicitação ao senhor prefeito, pois ele executa o nosso orçamento, e com cópia aos demais secretários e demais pessoas interessadas para poder ser feito a solicitação da nossa população. Eu falo isso só para esclarecimento, também, mas eu falo a Vossa Senhoria que, se caso Vossa Senhoria quiser cópia das indicações está à disposição na secretaria desta Casa. Ver. Helio Policial – Muito obrigado, Senhor Presidente, e as que estivemos analisando, repito, são as endereçadas ao prefeito. De antemão, fazendo uma complementação então, à fala de Vossa Excelência, solicito que seja encaminhado ao gabinete deste vereador, por gentileza, que eu vou levar em mãos ao prefeito para que não haja esses desencontros. Só vou fazer a colocação, porque eu já fiz algumas indicações aqui com relação às ondulações transversais que, por sua vez, são os famosos quebra-molas. Existe previsão tanto no código de trânsito da Lei nº 9.503 quanto em resolução do Contran[5] e, inclusive, parece que o parágrafo único do artigo 94 da lei de trânsito, prevê algumas proibições e tem que atender as regras da resolução do Contran. Então, a gente encontra uma série de dificuldades, pois tem de haver esse estudo técnico, esses padrões, critérios também das ondulações transversais, Então, certamente talvez seja por esse motivo que nós estamos tendo dificuldades no atendimento das solicitações, das indicações com relação às ondulações transversais conhecidas como quebra-molas. Muito obrigado, Senhor Presidente. Ver. Jerson Junior – De fato, Nobre Vereador Helio Policial e Líder do Prefeito, estamos discutindo constantemente, nobres pares, e acredito que vamos permanecer nessas discussões sempre que necessário. E naquilo que pontuamos, isto é, eu, a pessoa do Vereador Jerson Junior, pontuamos desde o início do nosso mandato, da nossa posse, o poder emana do povo e é pra ele que trabalhamos, Vereador Pedrinho Cabeleireiro. Então, sempre que a população nos cobrar nós vamos cobrar, realmente, o prefeito, os secretários. E entendo a sua colocação, Nobre Vereador Pedrinho Cabeleireiro, pois o que às vezes nós reclamamos, líder do prefeito, é que tem certas demandas que acho que não custa nada o secretário responder pelo menos informando se haverá uma demora, o motivo, até pra nós possamos dar um retorno à população que nos cobra. Então, a nossa cobrança – não só do Vereador Pedrinho Cabeleireiro, mas de todos – é nesse sentido. Ou seja, é que algumas demandas pontuais que o secretário sabe que não vai conseguir atender em um determinado tempo próximo, mas que responda ao vereador nem que seja pelo whatsapp. Teve secretário que já me respondeu pelo whatsapp olha, vereador, isso aí eu não vou poder fazer agora por causa disso, disso e disso. Ótimo. Porque aí eu tenho como responder à população sobre aquela demanda. Então, os nossos questionamentos são sobre isso. Eu acredito que eles leem as indicações. O prefeito já falou pra nós que tem anotado todas as indicações, ele verifica. Só que tem algumas demandas que são necessárias serem respondidas pelos secretários, ou seja, até porque ele é o gestor da pasta, o prefeito é o executivo, é o que manda executar no município, mas o gestor da pasta é cada secretário e, se ele não nos responder, a população nos cobra e fica difícil de dar um retorno à população que constantemente pergunta e, às vezes, quer um retorno. Boa noite. Ver. Prof. Jean – Só pra reforçar também essa questão, da importância da sinalização das ruas do nosso município. Em junho, mas precisamente no dia primeiro, Excelentíssimo Senhor Primeiro-Secretário, fiz uma indicação endereçada ao Prefeito Manoel Nery, ao secretário Jean, ao secretário Godofredo e, também, ao diretor do Demtran Sr. Edson Pimentel para que fosse realizada a sinalização horizontal em todas as ruas que estão sendo recapeadas em nossa cidade e que, por ventura, poderão vir a ser recapeadas em nosso município. E em agosto, agora recentemente no dia dezessete, fiz também uma solicitação ao Prefeito Manoel Nery, ao secretário Jean, ao secretário Godofredo e, também, ao diretor do Demtran Sr. Edson Pimentel para que seja realizado a revitalização na sinalização horizontal de todas as ruas do bairro Jardim Nova Era e Vale do Sol, bem como disponibilizado placas contendo o nome das respectivas ruas dos bairros. Então, realmente é importantíssimo essa sinalização, pois o nosso município não é tão populoso – vamos dizer assim –, mas as ruas são bastante movimentadas, temos bastante idosos, ciclistas, crianças. Então, a gente gostaria que, a essas reinvindicações, fosse dada uma resposta para que a gente possa responder à sociedade que tanto clama por uma cidade melhor. Então, a nossa intenção é realmente essa: de trabalhar pela nossa população. E as reinvindicações que a gente faz aqui nesta câmara de leis é porque a gente recebe grande parte das demandas da nossa população. Então, é só pra colabora com a vossa fala. E também agradecer à nossa Deputada Estadual Mara Caseiro, pois ontem eu estive com ela em seu escritório. E agradecer também à Deputada Federal Rose Modesto, não a conhecia pessoalmente, por ter nos recepcionado e estar á disposição do município de Camapuã-MS. Boa noite a todos. Professor Jean: por você, por Camapuã. Ver. Dr. José Dias – Eu gostaria de agradecer ao secretário de saúde pelo trabalho, pelo desempenho no tocante à imunização do nosso povo. Mas também eu queria aqui cobrar, pois ele bota os funcionários voluntariamente para trabalhar aos finais de semana, porém, nem um lanche é servido pra eles. Eles passam o sábado e o domingo vacinando e não tem o lanche da manhã e nem o lanche da tarde. E penso que isso é muito pouco que o secretário deveria fazer, ou seja, beneficiar aqueles que estão trabalhando voluntariamente. Eu queria também dizer aos nobres pares que a sinalização desse município foi feita no meu primeiro mandato, foi uma solicitação que eu fiz, na época ao prefeito Marcelo Duailibi, e que ocorreu rapidamente porque era de interesse, também, do prefeito, senão talvez tivesse demorado. E no tocante, na época, ele fez inclusive aqui da BR que é no centro da cidade, fez de toda a cidade. Era importante. E na época, também, o presidente do Dnit[6] prometeu que iria colocar dois pardais no centro da cidade e tirar o quebra-mola. Isso até hoje não aconteceu, senhores. E ele, por várias vezes, falou que iria fazer isso. Mas não fez. Ele foi substituído e o substituto dele também prometeu, mas também não aconteceu mesmo que esses pardais fariam melhor a todas as ruas da cidade, cobrar e não colocar quebra-mola, encher e cobrar, pois doía no bolso do bicho e o caboclo diminuía a velocidade e, assim, não traz nenhum gasto para a prefeitura porque a empresa coloca e é parceira. Muito obrigado. Ver. Marquinho Moreira – Senhor Presidente, hoje venho trazer muito boa pra população da Vila Industrial e moradores ali da região das fazendas onde ainda não há telefonia celular. Este vereador, quando se dedicou à política, deixando de cuidar dos seus afazeres, tinha um sonho: o de levar um sinal de celular para aquela vila onde moro desde quando nasci. E, graças a Deus em primeiro lugar, a antena está lá montada, o sinal já está lá e está faltando um pequeno passo, ou seja, o último passo pra gente estar distribuindo o sinal na Vila Industrial e região. Então, a gente fica muito contente com a vinda dessa antena, até na gestão passada Vossas Excelências tentaram, até devolveram o duodécimo da câmara pra estar fazendo essa antena e, este vereador, graças a Deus conseguiu trazer essa antena ali para a Vila Industrial sem gastar um centavo do município. Então, o dinheiro que ia fazer para a antena está sobrando aí pra comprar remédio, pra asfalto e demais coisas que o nosso município precisa. Estou dizendo também que eu aluguei o terreno pra empresa que instalou a antena lá que é a assessoria. E todo esse salário, desse arrendamento do terreno, será doado às instituições de Camapuã-MS fazendo, entre elas, um rodízio, às mais necessitadas: hospital, creche, asilo e assim por diante. Então, comunicar à população que logo, logo estaremos com um sinal de internet de celular ali na Vila Industrial que tanto sonhávamos. Foram estas as minhas palavras, Senhor Presidente. Ver. Pedrinho Cabeleireiro – Eu quero utilizar este momento até para parabenizar o colega pelo gesto solidário à nossa cidade, pois já vem no passado alguns políticos com essa grandeza e, pode ter certeza, que esse retorno ao nosso povo será bem vindo. Outra coisa, Senhor Presidente, que eu gostaria de deixar registrado aqui nesta Casa é sobre a questão da união desses parlamentares, todos bem intencionados. É que nem o líder do prefeito falou aqui agora todo mundo querendo trabalhar, todo mundo querendo mostrar serviço até porque passamos por um momento difícil anteriormente e o senhor sabe muito bem disso. Eu quero parabenizar cada um dos senhores vereadores pelo desempenho que vêm realizando aqui nesta Casa de Leis, os de primeiro mandato como o Vereador Ademar Laurindo, o Vereador Prof. Jean, o Vereador Jerson Junior, o Vereador Marquinho Moreira e tem lá o nosso professor que é o Vereador Ronnie Sandro e, depois, o nosso outro companheiro que é o Vereador Dr. José Dias e, nós presidente, começamos juntos. Então, a gente fica feliz aí, todos nós nas cobranças, todos bem intencionados querendo ver a nossa cidade alavancar. E quando, Senhor Presidente, a gente vem aqui nesta tribuna cobrar a gente cobra o interesse da nossa população. Somos os porta-vozes do nosso povo. Somos pagos pra isso. Como diz o Vereador Marquinho Moreira aqui: somos muito bem pagos. Não é, vereador? Então, nada mais justo do que a gente “estornar” as cobranças do nosso povo aqui nesta tribuna. E dizer que às vezes os colegas vereadores, nos acalouros, o senhor presidente o sabe muito bem do meu posicionamento de como eu sou. O que eu não posso comungar é com as atitudes de alguns secretários. E até quero parabenizar os outros pelo atendimento que têm com este parlamentar, com este empregado do povo, a nossa secretária de educação, o nosso secretário Jean, a própria Primeira-Dama Terislene que tem atendido muito bem este vereador quando precisa e o Giovani Rocha que tem desempenhado um bom papel em sua pasta. Mas pode ter certeza que esses secretários que não comungam com a minha cobrança, pois não são cobranças minhas, quero deixar bem claro aqui pra eles, que são cobranças do povo. E o vereador aqui não cobra nada pra ele. Então, eu quero de antemão deixar aqui registrado, Senhor Presidente, que o senhor reforce junto ao líder do prefeito quanto às solicitações do nosso povo lá área rural, como bem disse aqui o Vereador Ronnie Sandro na questão do atendimento odontológico e médico na área rural, pois ele andou e ele também esteve junto. Então, estamos trazendo aqui a mensagem daquelas pessoas que estão nos cobrando. E contem com este vereador aqui, cada um dos senhores, pois que nem eu conversei com o Vereador Jerson Junior vamos andar, vamos trabalhar e vamos ajudar a nossa Camapuã. E Camapuã precisa. Foram estas as minhas palavras, Senhor Presidente. Presidente – Ver. Lellis Ferreira da Silva – Informo aos senhores vereadores e toda a população que nos acompanha pelas redes sociais que a nossa Sessão Solene de Entrega de Título de Cidadão Camapuanense e Mérito Legislativo será no dia vinte e três de setembro, às 19h, neste plenário. Solicito aos senhores vereadores que indiquem uma pessoa para receber o título de Mérito Legislativo e uma pessoa que receberá o título de Cidadão Camapuanense através de indicações aprovadas na Ordem do Dia das próximas sessões. Eu acredito, Excelentíssimo Vereador, que bom mesmo seria nas duas próximas semanas até porque nós temos que providenciar as molduras – que será feito um quadro – pra ficar bem organizado, acredito que nas próximas duas semanas será tempo suficiente para que a gente possa conseguir organizar a parte final que é a cerimônia da realização solene. Em seguida, o presidente procedeu os agradecimentos finais e declarou encerra da sessão às 21h05min. Eu, Moisés Mancebo Manhães Junior [7]lavrei a presente ATA[8] que, depois de lida e aprovada, será assinada pelos Membros da Mesa Diretora e pelos Senhores Vereadores.

            Ver. Lellis Ferreira da Silva                                 Ver. Ronnie Sandro                                   Presidente                                                                1º Vice-Presidente                                                 

Ver. Dr. José Dias                                                  Ver. Pedrinho Cabeleireiro

2º Vice-Presidente                                                   1º Secretário 

            Hélio Policial                                                          Ver. Ademar Laurindo

            2º Secretário

            Ver. Jerson Junior                                                  Ver. Marquinho Moreira

 

 

Ver. Prof. Jean


[1] Danny Lemos de Carvalho.

[2] Ana Paula Lopes da Fonseca

[3] Daniel Pereira Nunes – IEL.

[4] Moisés Mancebo Manhães Junior.

[5] Conselho Nacional de Trânsito.

[6] Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes.

[7] Agente Administrativo II

[8] Tempo Total – 01:50:32